O Meu Marido Não Me Ajuda Em Casa!

Há algumas convicções, que temos quando somos jovens, que se alteram à medida que crescemos, que as nossas prioridades se alteram e percebemos que o Mundo não é só branco ou preto (há muito cinzento - azul, cor de rosa, laranja, roxo, amarelo, etc - pelo meio...). 
Quase tudo o que diz respeito à Maternidade cai nesta categoria ;)

Mas também há aquelas que são inabaláveis, que fazem parte de nós.
Eu sempre disse que não queria um Marido que me ajudasse em casa! Aliás, se há coisa que me enerva profundamente, é precisamente esse conceito...

Ora vejamos, quando eu ajudo alguém, estou a fazer um favor a essa pessoa, estou a pegar numa tarefa que pertence a essa pessoa e estou, simpaticamente, a fazê-la eu. Se eu estou a ajudar, significa que a responsabilidade da execução da tarefa é da outra pessoa e eu, por ser amorosa, estou a dar o meu contributo, porque, naquele momento, me apeteceu. Mas tanto posso fazer hoje, como amanhã já não estar para aí virada.

É precisamente pela falta de responsabilidade sobre a tarefa que o conceito de "ajudar em casa", me incomoda. Se partilhamos a nossa vida, os nossos dias, vivemos os dois na mesma casa, as tarefas também têm que ser partilhadas. São da responsabilidade dos dois. Ora ele não me ajuda, nem eu a ele! Porque temos os dois a capacidade de olhar e ver o que é preciso ser feito e de fazê-lo. Não sendo, assim a responsabilidade de apenas um de nós, manter a casa arrumada, limpa, a comida feita, ou a roupa tratada.

Por tudo isto, felizmente, o meu Marido não me ajuda em casa! Nem eu quero que ele o faça!


Imagem retirada da Internet

Comentários

Posts mais lidos